sexta-feira, 27 de abril de 2012

HOMENAGEM ÀS MÃES

"Desabrochastes em plena juventude e,no teu colo, ainda juvenil, um perfume de rosasse espalhou por todo o teu ser ... revelando a tua essência!Neste exato momento, o fruto do teu AMOR materializou-se, rompendo as algemas da vida que estava escondida!Libertou os teus sonhos, os teus desejos, E ... o que era sonho passou a ser realidade,na felicidade do teu coração! Este jardim plantastes com muito carinho e logo após o inverno, a primavera chegará! No sorriso de uma criança, semente de esperança e bem-aventurança ... Bendita sois,entre todasas Mulheres Bendito éo fruto do teu AMOR! "Feliz Dia das Mães! Fada Fadul

quinta-feira, 26 de abril de 2012

GAYA



No início era o Caos.
Gaya purificou a desordem, germinou em seu solo o belo e o visceral.
Foi plantando amor nas intrínsecas veias do seu grande corpo
Dando vida ao lodo e malícia ao engodo

De Gaya partiu o Bem e o Bem
Pois o mal só existe para aqueles que não compreendem
Que Gaya guarda o mistério da semente
Sabendo perfeitamente, o que melhor precisa cada um.

Gaya se autofecundou – se amou – se ordenou
Depois se entregou a Urano, criando o Céu de libido
- o descontraído, o desmedido.
O abraço grandioso que uniu o infinito.

A Grande Mãe abarcou seus filhos
Respirou em seus corações
Dando Existência a todas as Nações
De deuses e humanidade – com a mesma ternura de Divindade.

Dos seus seios os esteios foram formados
Do seu umbigo as pulsações se extirparam
- para dentro dos ventos intempestivos
Que levaram sua criação para os quatro cantos, dos seus próprios instintos.

A Terra rabiscou os seus frutos
Presente. Passado. Futuro.
Na mesma dimensão da Eternidade
Mãe Terra, Elemento Primordial, que do tempo só conhece o atemporal.

Deus, Homem, Animal
Tudo circunscrito no papiro, no suspiro, no silêncio ancestral.
No solo seguro, no chão puro, na Terra arraigada
Pode-se viver o taciturno, vivendo sempre a Inteligência harmonizada.

Se tudo brota, convive e morre em seu pó
Não há nó em sua criação
Tudo é necessário e perfeito
Seguindo a Ordem do seu Ensejo – Seguindo a Verdade da sua Reta e Amorosa Ação.

Gaya é Mãe, Senhora, Jovem, Anciã
É seio jorrando leite
É Homem firme na sua Missão
É criança inocente, que breve aprenderá que a Vida é divina-

Pois foi criada da latente paixão
(dessas que inflamam as velas)
Das delicadas e fortes mãos da Sublime Criação!
Essa que esconde o Caos e a escuridão, para que reluza a sua mais perfeita inspiração.

Gaya que é azul nas águas marinhas
Verde nos píncaros das florestas
Amarela no nascer do sol
Castanha nas entranhas da Terra.

Gaya que gera na sua estirpe Olímpica
As entrelinhas da nossa Evolução
Desejando a todos
A plenitude e a sabedoria. A Eternidade em Harmonia.


Na multifacetada Mandala da Vida
Há a Gaya e suas armadilhas de cores.
Que hoje não vem dos mitos gregos nos visitar
Vem da sábia Mata nos encantar!


Mandala de Simone Bichara – Texto de Daniella Paula Oliveira

MANDALA DO EQUILÍBRIO

 

 
Equilíbrio

Onde tudo se põe a trabalhar
Sem nada a reclamar
Sem para a chuva a pedir
Ou ao Sol a mendigar
Há o Equilíbrio.

Onde a Vida germina há todos os instantes
Incessantemente se trabalha para o Eterno
E do ermo se retira a voz – e da voz só se reflete a Verdade
Onde o Bem e a Justiça constroem a Amizade
Há o Equilíbrio.

Onde há visão para a Graça Sublime
Amor para as feridas que ainda não foram estancadas
Gentileza para/com os pássaros de asas arrancadas
Compaixão para a liberdade enclausurada
Há o Equilíbrio.

Onde a formiga constrói a sua casa
A cigarra compõe o seu canto
As flores alimentam e encantam
E o Rouxinol espalha harmonia
Há o Equilíbrio.

E são nessas moradas onde a alegria passa e a tênue tristeza por vezes visita
É que o Equilíbrio vai tecendo o seu fio de ouro
- retilíneo e ascendente.
Transcendente às emoções fugazes
Que mal se chegam às descobertas das superfícies e vão-se embora nas frívolas madrugadas.

Equilíbrio é tanto o ancião que já não anseia as ardências
Quanto o recém-nascido que ainda dorme no sono latente das cadências futuras.
É tanto a harmônica canção
Quanto o preciso sentimento – àquele onde não há dúvida, vindo de uma Vontade indomável de existir.

É riso fácil e passageiro.
E lágrima profunda e efêmera.
Neutralizados na compreensão de que só o Real fica.
E não há nada mais Real que o aprendizado retirado
- das inconstâncias das existências equilibradas.

Onde há respiração serena
Mata fria de oxigênio puro
Correnteza seguindo seu fluxo
Homem leal ao seu propósito de Virtude
Vida, Cor de Mandala e Sonho fecundo
- de se equilibrar
Há o Equilíbrio.

E Ele faz parte de um esplendor
Que é preciso polir,
para brilhar.

Mandala de Simone Bichara – Texto de Daniella Paula Oliveira

CÍRCULOS MÁGICOS

  
> Dizem que tudo o que estamos procurando, também nos está procurando e
> que, se nós pararmos quietos: - nos encontrará. É algo que há muito
> tempo está nos esperando. Quando chegar, não se mova. Descanse. Você
> vai ver o que acontece em seguida.
> Eu tenho que escolher 19 mulheres (que deixaram algo de positivo na
> minha vida) e aquelas que eu acredito que gostariam de participar
> deste Círculo... Eu acredito que se esse grupo de mulheres se reunisse
> em uma casa, nada seria impossível. Espero que meus abraços e gestos
> de gratidão e amor te lembrem como você é especial.
> Faça um desejo antes de ler o próximo parágrafo. Você já fez um
> desejo? Esta é a última chance de fazer um desejo. "Desejo que hoje
> experimente a paz dentro de você, que você confie que está exatamente
> onde você deve estar, que não se esqueça das infinitas possibilidades
> que nascem da confiança em vc mesma e nos outros, que utilize os dons
> que você recebeu e que transmita aos outros o amor que recebeu. Espero
> que você esteja feliz consigo mesma por quem você é. Deixe esta
> sabedoria penetrar em seus ossos e deixe sua alma cantar, dançar e
> amar livremente. Ela esta aí para caa um de nós.”
Com carinho...

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Eu invoco
Todas as Deusas que habitam em mim
Isis, Iemanjá, Oxum, Maat, Lakshmi, Kuan in
No perfume de rosas, de mato, mar e jasmim
Que unem o oriente e ocidente
Tão simples assim
Brilhem sua força e grandeza
Expressem sua vida e beleza
Exerçam justiça, cura e criatividade
Que se apresentem na abundância
Na fertilidade
No sorriso
Na certeza
Na criança
Na verdade
Nos meus gestos
No meu jeito
Toda mulher é uma Deusa
Beleza, cura e vida
Habitam em seu Ser.
Quando uma mulher compactua
ao invés de ocultar
Faz-se unir forças
Faz-se revelar
Os segredos que nelas habitam
Fazem-se germinar
e florescem, frutificam
encantam, ensinam
Dão luz ao caminhar

Sophia Christou

EU QUERO SONHAR!

ECO DE UMA CANÇÃO


Escuta a voz da vida No eco de uma canção Escuta os acordes leves, que soam no coração Se todos escutassem... Nenhuma tristeza haveria Nem lágrima, nem solidão O mundo dançaria Na harmonia da canção A vida seria Um sonho, uma ilusão vida, arte, poesia Deus, amor, paz Poema do coração. Clicia Pavan
Acesse o link abaixo e ouça a música “Quanta Luz”, um verdadeiro bálsamo para as nossas almas cansadas de tanta luta!
http://proluz.org/html/quanta_luz.html “Quanta Luz neste ambiente Descendo sobre nós, Vibrando em nossas mentes Quanta Luz quando assim em prece Como a alma cresce, Aos olhos de Jesus. Quanta Luz pois em Oração, A voz do Mestre fala Aos nossos corações Quanta Luz descendo sobre nós, Quanta Luz…Quanta Luz” Cenyra Pinto

quarta-feira, 11 de abril de 2012





Menina no Outono

Mais uma vez ela senta naquele banco
No mesmo horário diariamente.
Ao seu redor muitas folhas
Estão sempre espalhadas pelo chão,
Formando um imenso tapete.
Naquelas tardes de Outono
Enquanto caminha atentamente,
Sempre espera pelo lindo pôr do sol.
Nada acontece do mesmo jeito
Naquele único lugar.
Seu sorriso cativa a todos que passam por lá
E certamente foi um dos mais bonitos
Que já encontrei por onde estive.
Seu perfume mistura-se com a brisa do vento,
Fazendo parecer com que tudo
Seja apenas um mero sonho.
Sua pele clara e límpida
Com olhar tão sincero e meigo
Fazem dela um verdadeiro anjo.
Enquanto aquelas folhas caírem
Nas longas tardes de outono
Encontraremos toda a sinceridade
E paixão por tudo que existe de mais belo no mundo.
Depois de hoje começo a acreditar
Que o mais belo outono começa quando ela está aqui.

Thiago Ramos

E O OUTONO CHEGOU COM SUA MAGIA DOURADA!

A ARTE DE FADA

A ARTE DE FADA
"CEREJEIRAS EM FLOR"

FLORESTA ENCANTADA

FLORESTA ENCANTADA
"A Fada da Floresta"

"FADA RAINHA"

"FADA RAINHA"

ARTE E MAGIA DE FADA

ARTE E MAGIA DE FADA
"Fundo do Mar"

BAIANIDADE

BAIANIDADE
"Baianas em Festa!

A BAIANINHA DE OXALA

A BAIANINHA DE OXALA

GAROTAS DO PELÔ

GAROTAS DO PELÔ

A BAIANINHA

A BAIANINHA

REVERÊNCIA NO ABAETE

REVERÊNCIA NO ABAETE

IEMANJÁ E SUAS IABÁS

IEMANJÁ E SUAS IABÁS

OFERENDA A OXUM

OFERENDA A OXUM

OFERENDA ÀS ÁGUAS

OFERENDA ÀS ÁGUAS

FUNDO DO MAR

FUNDO DO MAR

COCOS DA BAHIA

COCOS DA BAHIA

A ROSA

A ROSA

ORQUÍDEAS

ORQUÍDEAS

SONHO DE LUAR

SONHO DE LUAR

AS TRÊS LUAS

AS TRÊS LUAS

ENCANTAMENTO

ENCANTAMENTO

O SONHO DE IRIS

O SONHO DE IRIS

BETRAYALS

BETRAYALS

CUPIDO

CUPIDO

BONEQUINHA DE PORCELANA

BONEQUINHA DE PORCELANA

A CIGANINHA

A CIGANINHA

MADONA

MADONA

NASCIMENTO DE VÊNUS

NASCIMENTO DE VÊNUS
Releitura

UMA LINDA MULHER

UMA LINDA MULHER

A JAPONESINHA

A JAPONESINHA

AS JAPONESAS E O LEQUE

AS JAPONESAS E O LEQUE

BALÕES

BALÕES

BICICLETA DO ALÉM

BICICLETA DO ALÉM

A DANÇA DAS CORES

A DANÇA DAS CORES
Abstrato

AFRICANA

AFRICANA

A ARTE DE FADA

Art Prints

A FERA

A FERA

CASARIO FLORIDO

CASARIO FLORIDO

CAMINHO PARA O BOSQUE

CAMINHO PARA O BOSQUE

"AQUÁRIO"

"AQUÁRIO"
RELEITURA - ÓLEO SOBRE TELA - 60 X 80 CM

A ARTE DE FADA

http://fada-fadul-fa.fineartamerica.com

ARTE E MAGIA DE FADA

ARTE E MAGIA DE FADA

Arquivos do blog

Postagens populares

O MUNDO EM EBULIÇÃO

O mundo está em ebulição! A terra sofrida chora e despeja suas águas em terras antes nunca invadidas, extrapolando os seus limites. O homem, de uma certa forma, é responsável por esta dor, quando modifica o seu meio-ambiente na ânsia do domínio e da riqueza.
A natureza em fúria dá o seu grito de alerta! Será que estamos sendo cobrados pela nossa omissão, descaso? Quantas crianças sofrem e quantas famílias são “despejadas”, “arrancadas”, expelidas”, pelo mar furioso!
E o homem sofre, o homem se desespera, o seu olhar antes voltado para si, para o seu ego, para as suas conquistas, agora olha para cima, implorando misericórdia!
Quantas mães choram a perda de seus filhos que abandonaram os seus lares cumprindo missões em outras terras, defendendo a sua pátria, pátria ingrata?
Não podemos ficar omissos com tantas calamidades. Temos que ir à luta, socorrer nossos irmãos! A terra chora, o homem chora, a natureza sofre!
Então, em vez de calarmos, em vez de esperarmos “sentados” que outros nos dêem as mãos, vamos ter a iniciativa de nos ajudar ajudando aos nossos irmãos. Omissão nunca, jamais!
O que fizermos hoje, colheremos depois! A semente brota onde o solo é fértil!
Sejamos sementes, sejamos também os jardineiros para que a natureza sorria, para que nossas crianças sorriam, sim, porque elas são o fruto do nosso Novo Amanhecer!
Velhos, crianças, jovens, enfim, toda a nossa sociedade contribuirá para o Bem Estar Maior do Universo.
A natureza espera confiante e estaremos também sorrindo com ela!
Autora: Fada Fadul

http://fotolog.terra.com.br/aguascristalinas:9

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

BLOGS QUE SIGO

ARTE ATUAL

http://www.arteatual.net/art-fadafadul.htm

ART VINTAGE

BlissAngels

Mamymilu

Mamymilu

ALMA EM FLORES

ALMA EM FLORES

A FAMÍLIA GAIA

VIOLETA NAS JANELAS

Glitter Photos

/>

VER,OUVIR, CALAR






GOSTO DISTO!

Mensagem do dia

"Existem dois modos de se propagar a luz: ser a vela, ou ser o espelho que a reflete." (Edith Whart

"Existem dois modos de se propagar a luz: ser a vela, ou ser o espelho que a reflete." (Edith Whart

ALMA CIGANA

Adoro meu lado cigano de ser! Alegre, criativa, espontânea, sincera, colorida ... etc
Curto o mar, a lua, a natureza, o céu e as estrelas. Amo minha família, e todos os amigos que me cercam. Sou mãe extremosa, carinhosa, dengosa. Sou cigana, sou mulher! Amo as flores, o mar, Deus, e todos os orixás! Caminho com segurança, caminho com doçura! Amo dançar, correr, viajar! Quem me acompanhar jamais me esquecerá! Sou cigana sim! Cigana na alma!

Fada Fadul

SÃO MIGUEL

SÃO MIGUEL

ORAÇÃO DE PROTEÇÃO DO ARCANJO MIGUEL

Este lar é protegido e guardado por Anjos Guardiões sob a orientação de São Miguel Arcanjo. Suas espadas estão colocadas sobre as portas de entrada, para que nenhuma presença negativa e nenhum mal possa aqui entrar. Suas asas estão abertas em volta desta casa amparando-nos e protegendo-nos. Seus mantos estão estendidos sobre cada um dos membros desta família para que possamos participar de todas as nossas atividades diárias em completa segurança e profundo bem-estar. Sobre esta casa está a grande luz protetora de São Miguel Arcanjo. Seus Anjos estão colocados nos quatro cantos desta casa protegendo-a em cima e embaixo, à direita e à esquerda, na frente e atrás. Sob as bênçãos de São Miguel Arcanjo cada pessoa que aqui entrar sentir-se-à envolvida pelo amor, saúde, prosperidade. faça essa mesma oração pedindo que São Miguel acompanhe sempre seus familiares livrando de todos perigos Amém Amém e Amem!!!

Suas Histórias Nossas Histórias

REFLEXÃO


RecadosOnline


MEU SIGNO


Recados Facebook


ANJO DA GUARDA

ANJO DA GUARDA

ANJO ALEGRIA

ANJO ALEGRIA

ANJO TERNURA

ANJO TERNURA

ANJO FLOR

ANJO FLOR

ANJO MELODIA

ANJO MELODIA

Fada das flores

Fada das flores